Cuidado em alto medicar seu Pet

Cuidado em alto medicar seu Pet

 

 

Você sabia que cães e gatos têm características e gostos bem diferentes e, por isso, mesmo o medicamento sendo de uso veterinário, nem sempre pode ser usado pelos dois?

O uso inadqueado de um remédio pode gerar,  não somente uma repulsa por um sabor desagradável, mas até uma intoxicação severa.

Um exemplo disso são as soluções otológicas, muito prescritas para otites. Entre os veículos usados está uma substância chamada propilenoglicol, inofensiva para cães, mas altamente irritante para gatos.

Outra diferença é em relação a preferência de sabores. Gatos não apreciam muito o sabor adocicado, preferem  o salgado, já os cães aceitam bem os sabores doces e salgados.

Sabores muito ácidos e amargos não agradam à nenhum dos dois. Nesse caso,se for difícil de mascarar, é melhor optar por fazer em cápsulas.

Cães gostam muito de biscoitos, gatos adoram as pastas, principalmente, se adicioandas de aroma de peixe.

Além de considerarmos todas as características ligadas às diferentes espécies e raças, não podemos nos esquecer das particularidades de cada animal.  

Uma das vantagens da manipulação veterinaría é o uso  de formas farmacêuticas mais agradáveis ao paladar e personalizadas. Isso  diminui consideravelmente o estresse na hora da medicação e a adesão ao tratamento.

Giovanna Lopardi

 


WhatsApp chat