Como alimentar seu filhote

Como alimentar seu filhote

Uma dúvida muito comum entre os tutores na consulta pediátrica é sobre os
horários de alimentação do seu filhote, então vamos tentar esclarecer:

  • Cães

Quanto mais novo o filhote, maior a necessidade de fracionar a comida ao longo
do dia, isso se deve ao metabolismo bem aumentado na fase inicial de
desenvolvimento.

Aos 25 dias de vida já podemos introduzir alimentos complementares a
amamentação; lembrando que essa deve ser feita até 40-45 dias; pois o leite ainda
é muito importante na nutrição e no desenvolvimento do sistema imunológico
do filhote.

Esses primeiros alimentos sólidos podem ser feitos com papinhas de
desmame, especificas para as espécies, ou então com a ração de filhote triturada
no liquidificador e umedecida com água morna. O ideal é que se ofereçam pequenas
quantidades de 4- 6 vezes ao dia, deixando disponível por curto período de tempo.
À medida que os dentinhos vão nascendo e se tornando funcionais não há mais a
necessidade de triturar ou umedecer a ração, somente devemos nos atentar ao
tamanho do grão da ração respeitando o porte dos animais.

Filhotes de raças mini ou pequenas devem ter as porções diárias divididas em 4
refeições até os quatro meses de vida e em 3 vezes até doze meses, depois
podemos dividir em apenas 2 refeições diárias.
Já animal de grande porte até o oitavo mês de vida, deve dividir a porção diária em
três refeições e após esse período em duas refeições ao dia. NUNCA ofereça aos
animais de grande porte a alimentação em apenas uma refeição, isso pode
predispor há torção gástrica (uma alteração gravíssima que pode levar há morte em
pouquíssimo tempo).

Uma coisa importante que devemos avaliar também é o habito desenvolvido por
cada animal, principalmente os de portes menores que costumam serem mais
seletivos na hora de se alimentar, às vezes o confortável para eles é comer apenas
uma vez ao dia. Se esse hábito não vem acompanhado de nenhum sintoma clínico,
como vômitos amarelos, muco nas fezes, desconforto abdominal no período de
jejum prolongado não tem o nenhum problema.

  • Gatos

Já para gatos uma MEDIDA de EXTREMA importância é a introdução precoce de
alimentos úmidos como patês e saches desde os primeiros meses de vida. Isso
garante uma maior hidratação do gatinho e contribui para uma vida mais saudável.
GATOS TEM QUE COMER PATÊS TODOS OS DIAS, PELO MENOS 1 COLHER DE
SOPA por dia, ele deve ser oferecido em qualquer horário do dia em potes
separados dos alimentos secos (ração).

Em relação ao alimento seco esse deve ficar disponível, mas com quantidades
controladas, para os felinos ao longo do dia.

Ainda ficou com mais alguma dúvida?

Patrícia Guedes Cristino (Nutrição Clinica e Endocrinologia Veterinária).
CRMV-MG 12655


WhatsApp chat